Ir para o conteúdo
Blogs de indústria da Microsoft

#ParaCegoVer: a imagem mostra alguma pessoas sentadas em torno de uma mesa.

 

O mercado atual está em rápida evolução. O crescimento da globalização, concorrência e a redução ciclos de vida dos produtos obrigaram os fabricantes a repensar o planejamento e as operações da sua cadeia de fornecimento. A cadeia de fornecimento moderna é cada vez mais complexa, exigindo uma estreita colaboração entre centenas (e por vezes milhares) de parceiros, prestadores de serviço, fornecedores, distribuidores e clientes.

Muitos gerentes de cadeias de fornecimento lutam para encontrar o equilíbrio certo entre manter os seus clientes felizes e liberar seu capital de giro. Uma nova geração de soluções de otimização de inventário está permitindo aos fabricantes superar este desafio ao transformar práticas de inventário ineficientes. Aqui estão três formas de transformar sua empresa com otimização inteligente e automatizada de inventário:

1. Calcule e ajuste os níveis ideais de inventário em toda a cadeia de abastecimento

O inventário costuma ser gerenciado de forma linear e desatualizada. Um inventário mal gerenciado é um dos maiores problemas de ineficiência dos fabricantes, empatando desnecessariamente o capital de giro com custos de estocagem e obsolescência, e afetando o resultado final. O gerenciamento tradicional de inventário depende fortemente de processos ineficazes e não científicos – como regras empíricas, segmentação arbitrária e suposições. Esses sistemas legados não têm capacidade de resposta para se ajustarem às condições do mercado em tempo real, podendo resultar numa abordagem reativa e propensa a erros.

Para eliminar esses problemas, fabricantes bem-sucedidos estão implementando ferramentas inteligentes que fazem uso de dados internos e externos para ajustar os níveis de inventário em toda a cadeia de fornecimento. Utilizando análises avançadas, esses sistemas de otimização de inventário em multinível convertem inventário com baixo desempenho num elemento ágil, responsivo e proativo para o sucesso do negócio.

2. Equilibre as metas de nível de serviço e o capital de giro

À medida que os clientes exigem produtos cada vez mais diferenciados e personalizados, os fabricantes trabalham para se adaptar e produzir uma variedade maior de produtos – uma abordagem “padronizada” já não é mais eficaz para atingir os níveis de serviço esperados pelo cliente. Por exemplo, o moderno proprietário de um carro tem uma quantidade maior opções estilísticas para peças pós-venda, como pneus, rodas ou volantes, e a procura por esses itens personalizados de ”cauda longa” é esporádica. Para alcançar os compromissos de serviço em toda a cadeia de valor, as pessoas, peças, os produtos e serviços certos devem ser orquestrados de forma eficaz.

As maiores empresas do segmento industrial utilizam sistemas flexíveis que modelam automaticamente a demanda e otimizam o inventário para atingir os objetivos de nível de serviço desejados, lidando de forma eficaz com a proliferação de produtos e mantendo uma utilização eficiente do capital de giro e dos recursos industriais. As organizações maximizam a eficiência do inventário para equilibrar altos níveis de serviço com custos operacionais mais baixos em todo o processo de produção.

3. Adote a transformação digital com uma plataforma automatizada e inteligente

Os principais fabricantes estão transformando a cadeia moderna de fornecimento ao fazer uso recursos avançados e sofisticados de análises e processamento de dados. Esta transformação digital permite que eles aumentem seus níveis de serviço e liberem capital de trabalho. Além disso, ao implementar sistemas altamente automatizados, os fabricantes capacitam seus funcionários para tirarem partido de sua experiência na cadeia de fornecimento, em vez de se concentrarem em tarefas rotineiras de inventário, previsão e gestão de dados.

As empresas líderes no setor industrial estão conseguindo racionalizar as operações, reduzir custos e aproveitar melhor o capital humano ao conectar os dados que elas já têm com soluções inteligentes de otimização de inventário. A otimização de inventário é uma iniciativa de transformação que pode ser facilmente implementada para gerar impacto imediato e significativo no resultado final.

Comece ainda hoje

O Multi-Echelon Inventory Optimization (MEIO) da ToolsGroup, baseado na tecnologia Microsoft Cloud, é uma solução acessível e abrangente que utiliza um mecanismo inteligente de optimização alimentado por análises avançadas. O A solução permite que os clientes usem os dados que já têm para aumentar os níveis de serviço, diminuir os custos e estender a análise para toda a cadeia para aumenta ainda mais a otimização. Suas funcionalidades analíticas patenteadas de aprendizagem são altamente confiáveis, mesmo para itens de demanda lentos e intermitentes.

Os clientes viram resultados poderosos com a solução MEIO do ToolsGroup. Um fabricante de peças automotivas melhorou os seus níveis de serviço ao cliente de 92% para 98% e, simultaneamente, reduziu o inventário em 15%, alcançando uma melhoria no capital de giro de $6 milhões. Experimente hoje a solução MEIO do ToolsGroup no Microsoft AppSource.